Como saber se estou negativado? Veja se você está com nome sujo na praça

Todo início de mês é a mesma coisa: você tenta organizar as contas, mas elas não fecham. E é aí que vem o pesadelo: dívidas que não acabam mais. Se isso ainda não aconteceu com você, então se considere um sortudo. Porém, você deve ter alguém próximo que passou ou está passando por isso. 

Com tanta gente negativada, vem a dúvida: será que faço parte destes números? Como saber se estou negativado? 

Para responder essa pergunta, continue a leitura porque vamos mostrar canais e empresas que você pode procurar para saber se tem dívidas ativas em seu nome, quais são os credores e valores. Acompanhe!

O que é estar negativado? 

Estar com o nome negativado quer dizer que o nome de alguma pessoa está inscrito no Serasa ou no SPC, que são órgãos de proteção ao crédito, quando uma dívida deixou de ser paga e a data de vencimento já foi ultrapassada. 

Mas isso não quer dizer que após alguns dias de atraso o nome já se torna “sujo”, isso acontece caso a data de vencimento já tenha passado muito tempo. Com o grande número de brasileiros nessa situação, o problema passou a ser recorrente e a receber atenção de especialistas.

E esse quadro se agravou mais ainda no último ano. Em uma pesquisa realizada recentemente, 64% das pessoas disseram que a pandemia impactou totalmente sua condição financeira. 

Muitas empresas que trabalham com a área financeira, oferecem meios de como limpar o nome de forma simples e rápida. Além de facilitar a vida de quem quer resolver este problema, dá também uma segunda chance para as pessoas que se endividaram, mas querem voltar para o mercado sem nenhum histórico “ruim”.

Além disso, existem maneiras de saber se você está com o nome sujo. Basta fazer uma pesquisa em canais e empresas, como veremos abaixo. 

LEIA MAIS | Como limpar o nome? 

Quais canais e empresas devo consultar para saber se estou negativado?

consulta para saber se estou negativo

Calma! Se você está na situação que falamos logo acima, e está se perguntando como saber se estou negativado, não se desespere. Veja os principais canais e empresas para realizar consultas e saber se você possui dívidas ativas em seu nome.

Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC)

O SCPC é gerenciado pela Boa Vista Serviços. Por meio deste serviço, você consegue consultar, de maneira gratuita e online, detalhes sobre débitos, além de apontar qual empresa consta cada pendência registrada.

Basta acessar o site Consumidor Positivo, e selecionar a opção “Consulta CPF grátis” após realizar uma inscrição no portal, com e-mail e senha. Há também postos com atendimento presencial e a exigência é o CPF e um documento com foto. 

Serasa 

No Serasa você pode consultar, gratuitamente, seja online ou presencialmente, como está o seu CPF. Além disso, existe o Me Proteja, que conta com um custo mensal, mas inicialmente com acessos gratuitos. Outra forma de pesquisar as dívidas em empresas parceiras para ajudar na negociação, é o Limpa Nome Online. 

Consulta à dívida ativa

Essa maneira de consultar débitos inscritos em dívida ativa da União permite que o contribuinte consulte dados sobre débitos tributários e não tributários inscritos em dívida ativa da União e sobre débitos inscritos na dívida ativa do FGTS. 

Para isso, você deve acessar o portal Regularize e ir até a opção “Consultar Dívida Ativa”. Depois, selecione uma das abas referentes à natureza da dívida que tem interesse em consultar: “Dívida Não Previdenciária”, “Dívida Previdenciária” ou “Dívida FGTS”.

Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) 

O SPC é administrado pelas Câmaras dos Dirigentes Lojistas (CDL)e, recentemente, foi criado um canal chamado Negociar Dívida On-line, onde o consumidor pode se cadastrar, consultar suas dívidas registradas no SPC e obter condições especiais de pagamento. Esse serviço era feito, até pouco tempo, apenas de maneira presencial. 

Consulta Pública – Protesto

Aqui, o contribuinte do Estado de Minas Gerais tem a possibilidade de verificar se possui protesto extrajudicial da Certidão de Dívida Ativa (CDA) referente a débitos estaduais.

Para consultar, o contribuinte deve ter em mãos sua identificação (CPF, CNPJ ou Inscrição Estadual) e acessar o site do sistema.

LEIA MAIS | Como melhorar o Score de Crédito? 

Como manter o nome limpo?

como manter o nome limpo

Agora que já mostramos os meios para você pesquisar e saber se o seu nome está negativado, vamos dar dicas de como não cair mais nessa cilada e manter o nome limpo. Veja:

Faça um planejamento financeiro

Fazer um bom planejamento é o pontapé inicial para manter o nome fora da lista de negativados. Dessa forma, você consegue quitar suas despesas e evitar dívidas. E fazer isso não é difícil, já que programas e aplicativos gratuitos que calculam por meio dos valores da sua fonte de renda e os principais gastos, quanto irá sobrar (ou até mesmo faltar), no fim do mês. 

Mantenha as contas em dia

Acreditamos que essa, sem sombras de dúvidas, é a principal dica para que seu nome não fique sujo. Se você manter as contas em dia, mesmo em caso de atraso, você não será negativado se tiver a opção de negociar o débito. Da mesma forma, você pode conseguir descontos ou até mesmo prazos maiores para parcelar a quantia. 

Faça uma reserva financeira

Fazer uma reserva financeira permite que você tenha segurança e tranquilidade para sua vida e ainda evita que seu CPF seja cancelado e fique negativado. 

A ideia é começar guardando 10% do salário mensal, mas se for difícil e inviável pra você, pode começar reservando apenas 5%. De qualquer forma, você terá uma quantia reservada caso algo saia do controle. 

Depois de quanto tempo meu nome sai dos órgãos de proteção ao crédito? 

Se você descobriu que está com nome negativado e já deu um jeito de quitar sua dívida, saiba que existe um prazo para o nome sair doa órgãos de proteção ao crédito após o pagamento.

Nesse caso, a empresa tem o prazo de até 5 dias úteis para realizar a retirada do seu nome dos birôs crédito. Isso porque o Art. 15 do Código de Defesa do Consumidor prevê que o associado deve promover em até (05) cinco dias úteis, contados da data da efetiva regularização da inadimplência, a exclusão do nome do devedor do SPC.

E para evitar o endividamento, você pode optar por soluções práticas de pagamentos, que fogem dos cartões de crédito, por exemplo. Como o Boleto Parcelado VirtusPay que é aceito em diversas lojas, e que você consegue comprar parcelado na internet, sem cartão de crédito e em até 15x no boleto!

 Então, acesse o site da VirtusPay e conheça agora mesmo nossa solução em meio de pagamento.